Luiz Ceara

Arquivo : maio 2012

O Palmeiras dá medo.Tá ruim faz tempo.
Comentários 54

Luiz Ceará

Acordei com a ressaca do Brasileirão. Melhor seria dormir o sono da tarde, mas tive por ofício que ver tudo o que dava e ainda fisgar alguma coisa nos programas da noite.

Os paulistas pisaram no tomate porque sempre acreditam que são melhores. Erro crasso. Início de temporada é sempre assim. Tá tudo nivelado.

Poderia se esperar mais de Corinthians e Santos. Mas tem a Libertadores.

Tem também para o Fluminense.

A única coisa que dá pra falar aqui é o mesmo que falei no ano passado. Os pontos destas primeiras rodadas perdidos em casa principalmente, são os que farão falta em Dezembro quando a batata sai do forno.

Pra uns ela estará queimada pra outros assada no ponto.

E o São Paulo hein?E o Palmeiras e a Portuguesa? E a Macaca?

Desses aí de cima, o Palmeiras é o que me dá mais medo. Tá muito ruim faz tempo.


Eu sequei o quanto deu, mas o Chelsea levou a taça.
Comentários 18

Luiz Ceará

Eu entendia que o Bayern era melhor tecnicamente que o Chelsea. Os dois não tiveram em campo jogadores importantes, mas no futebol é assim mesmo. Então vamos pro jogo.

E o Chelsea no primeiro tempo, surpreendentemente esperou o contra ataque perfeito que não apareceu. E suportou mais de 70% de posse de bola do Bayern.

O Bayern também deixou seu torcedor arrepiado e enfurecido, como eu. Quem tem Mario Gomes, não tem nada. Nada? Mas ele fez 12 gols nesta Copa dos Campeões, só 2 a menos que o gênio Messi que fez 14? Tá maluco Ceará?

To maluco e com ódio desse perna de pau do Mario Gomes. E vou dizer mais. Ele pode até fazer o gol do título, mas no meu time de pelada é banco, melhor, vai jogar no outro time, no adversário do FC Ceará, um timaço de craques e imbatível até este momento.

Conversa fiada de lado vem o segundo tempo e o jogo ficou quase igual ao primeiro. É verdade que o Chelsea veio um pouco à frente, mais corajoso. Mas de tanto bater o Bayer fez seu gol quando o jogo ia pro final aos 37, Muller de cabeça.

Mas no mundo da bola as coisas não são nunca, mas nunca iguais. E quem tem Drogba sempre tem que ter esperança. Ele, aos 43, de cabeça empatou o jogo e mandou a história para a prorrogação. Castigo para um time que tem Mario Gomes. Se Drogba fosse do Bayern, o jogo teria outro resultado. Vamos para mais sofrimento.

O jogo começou com o Bayern com mais força no ataque, com Fernando Torres e Malouda e o Bayer tirou Muller e botou o defensor Van Buyten. Esquisito? Não, o alemão entrou com seu time vencendo, mas levou o empate e Di Mateo foi esperto e colocou os atacantes antes do jogo terminar para resolver a parada. Tarde? Vamos ver.

Destino, que destino. Drogba, logo de cara faz pênalti em Ribéry. Logo ele. Vamos lá para o destino. Robben respirou e bateu. Peter Cech defendeu. Destino. E foi assim mesmo até o fim. O jogo foi para os penais.

E na hora de bater pênalti não tem macho. Tem competência, treino e muita frieza. Deu a competência, o treino e a frieza, mais a experiência. O time mais macho foi o dono da taça. Time de durões e trintões. Os ingleses levaram a Copa dos Campeões.

Esta noite será pequena para os ingleses. Não tem miséria em pub na Inglaterra.


Sou Bayern desde criancinha.
Comentários 11

Luiz Ceará

Bom dia feliz amigos do Blog. Hoje é dia de decisão na Copa dos Campeões da Europa. Chega ao fim o campeonato que reúne as maiores e mais bem pagas estrelas da bola no planeta. Dentro e fora de campo.

São jogadores milionários e comissões técnicas idem.

E uma disputa pela bola e pelo estrelato de cada um fora de campo. Jogadores e treinadores, além de dirigentes disputam segundos de estrelato em câmeras de TV e fotos, em espaços na mídia do mundo inteiro.

Não vou falar do que já vi dos jogos que acompanhei. Vou dar o meu pitaco na decisão de hoje. Não fico em cima do muro e por isso mesmo erro muito como você amigão que acha que sabe mais que eu, mas vive falando borracha aqui neste espaço. Ou vocês acham que eu não leio os comentários? Que eu concordo com tudo? Respeitar a opinião de vocês, claro que faço isso, mas concordar…

Sou Bayern desde criancinha. É isso aí.

E tem o Campeonato Brasileiro. Vai começar tudo de novo.

Bom sábado feliz a todos.


Confesso que fui enganado. O Santos não foi ao jogo contra o Vélez..
Comentários 61

Luiz Ceará

Confesso. Fiquei decepcionado. Triste mesmo em ver o Peixe tomar um samba lelê na Argentina e de um time fraco.

Ou o Vélez é um timaço? Longe disso e bem comportado em campo sem dar a porradeira que eu esperava o Vélez fez 1 a 0 e sai com vantagem. Joga na Vila com um Santos agora assustado. Ou não?

Muricy vai ter dois trabalhos. Um de acertar o time para fazer dois ou mais gols numa equipe que vem para marcar e marcar. Dois, entender o que aconteceu com o apagão de Ganso e Neymar.

Porque o restante do time jogou.

Apagão se conserta ligando a energia de novo, sabendo onde foi o problema.

Vamos ver, porque os amigos do Blog que comentaram o post de ontem tem toda razão e criticar o time da Vila. Não precisava exagerar e chamar Neymar de pipoqueiro. Ele não é, mas que não viu a bola, não viu.

Confesso que fui traído pelo meu amor pelo futebol que eu esperava ver e não vi.

O Fluminense jogou contra o Boca na Bombonera. Só isso.


Neymar mostra sua cara, coragem, e quem é com a amada nos pés.
Comentários 24

Luiz Ceará

Ontem eu disse aqui no blog que Vasco e Corinthians se conheciam bem, que eram íntimos e hoje vejo que acertei. Foi um 0 a0 feio de ver. Nervoso e num campo péssimo para os dois. Chuva e gramado novo não combinam. É igual a barro. E foi assim que os jogadores saíram de campo. Cheios de barro no uniforme. O jogo da volta favorece ao Vasco. Se fizer um gol no Pacaembu vai azedar para o Timão. Vocês duvidam? Então leiam parte do comentário do meu guru corintianíssimo Gilson Ribeiro. O que ele fala vem do coração sufocado depois do empate e sabendo o que vem pela frente.

“O empate foi um péssimo resultado para o Corinthians! O Tite é um puta de um retranqueiro por ter colocado o Douglas, o William e aquele centroavante desconhecido- Elton? – nos minutos finais. É burro! Incompetente! O Corinthians, me parece, caiu fora da Taça Simon Bolívar!”

O São Paulo não deu muita bola para o Goiás e meteu dois que poderiam ser três. Lá em Goiânia é difícil, mas o Goiás não vence e não passa. Já era, com todo respeito aos goianos.

O Palmeiras venceu e convenceu. Felipão voltou a falar do que mais gosta. Tiro curto.” Eram seis jogos e agora são cinco em vez de 38 do Brasileirão ou de 12, 13, 14 da Sul-americana. Melhor investir nesses cinco jogos”, explicou o treinador Campeão do Mundo de seleções e que sabe trabalhar como poucos com o tiro curto.

E hoje tem Flu e Boca, uma guerra, sempre. O vencedor costuma ser o Boca porque o jogo é no Quartel General da Bombonera. Mas tem uma coisa. O Boca é meio que “peixe fácil” do Flusão. Jogo para empate.

E tem ainda a estréia de Neymar contra times argentinos. O Vélez não é o Barcelona e nem qualquer outra equipe de grande porte. É sim, um adversário difícil porque joga em casa, é argentino, dá porrada e catimba como só eles sabem fazer. Inventaram a catimba como se isso fosse futebol. Mas Neymar é Neymar. O moleque vai mostrar quem é ele com a amada nos pés, qual é sua cara e sua coragem. Dá Santos.


Começa a dança dos famosos. Vasco, Corinthians, São Paulo, Palmeiras…
Comentários 8

Luiz Ceará

O Vasco é um adversário muito íntimo do Corinthians. Eles se conhecem, um já despachou o outro em diversas ocasiões.

São equipes diferentes apenas na maneira de jogar.

O Timão é forte na marcação, principalmente fora de casa. Tem uma equipe consistente e que nesta Libertadores corre para fazer história.

O Vasco aposta em sua técnica. De um lado do campo o genial e experiente Juninho. De outro, na esquerda a capacidade técnica de Felipe. O Vasco dificilmente perde em São Januário. Nos ultimos 50 jogos que fez em São Januário,perdeu apenas 3.

É jogo para tirar o fôlego do torcedor. Esperamos que a polícia do Rio de Janeiro, mais o Ministério Público façam sua parte. O caldeirão está fervendo entre os marginais que convivem dentro das organizadas.

Olho neles.

Tem o Palmeiras que joga contra o Atlético-PR. São mais seis jogos para vencer um Campeonato que pode colocá-lo na Libertadores do ano que vem e acabar com a desconfiança do torcedor.

É dureza, mas quem não tem dureza pela frente?

O São Paulo tem hoje diante do Goiás um desafio duplo. Leão recoloca Paulo Miranda em campo para provar que ele estava certo e se estiver mesmo, o elenco volta a ter a paz que perdeu com o episódio do afastamento do jogador. Uma pisada na casca da banana que a diretoria deu. E o outro desafio é mostrar que esse time tem algo mais a mostrar do que a insegurança e a má fase que ronda o time.

Vamos ver, depois eu volto.


Gilson Ribeiro, o que sabe das coisas.
Comentários 13

Luiz Ceará

O cara é ou não é?

Texto do jornalista e parceiro

Gilson Ribeiro

•Amigo Ceará: me deu vontade de escrever um lance que tá meio entalado na minha garganta, na minha alma. Ia “postar” no seu blog, como já “postei” uma vez, depois de cumprir com um baita questionário, criar um apelido. Na ocasião acho que mandei algo do tipo “prakeapelido”. Tentei de novo, não bateu. Tinha que recriar e preencher novamente um novo baita questionário. Você me conhece, questionário não é comigo! Mas entre tantos colegas que respeito, escolhi você para alugar, prá falar sobre o Neymar! Você entende essas necessidades, ainda que inócuas, dentro de nós jornalistas, não? No papel, esferográfica na mão, cheguei a escrever um titulo, propositalmente ridículo, “Carta aberta para o Neymar”. Sempre me diverti com esse lance de jornalista usar como recurso o lance de mandar recado, carta, para os protagonistas da vida. Normalmente, sempre deram de ombros! Hoje em dia, então, seria irrigar deserto com “spray”, nem balde ou aquele lance bicudo que nossas avós molhavam as plantas, que agora esqueci o nome. Entre o ingênuo e o cretino, queria externar, sabendo da minha insignificância, o meu honesto receio. Somos de um tempo, não tão passado assim, que por dignidade e confiança adquirida pelo nosso trabalho e conduta, que podíamos falar olho no olho, sem gaguejar, para tantos festejados ídolos. Não só os de barro! Muitos: Sócrates, Neto, Zico, Romário e tantos e tantos. Hoje em dia, está mais difícil! Perdão, se mando errado, ou patético. Mas tenho vontade de gritar desde já, que o Neymar realmente é genial! E por assim ser, vingará! Meu receio é essa turba midiática, de forma canibalesca, vampiresca, tentar transformarem um menino, que ainda debuta no caminho reservado aos raros, num deusinho Ramsés, pequeno imperador! E olha que confesso que já tive um pé atrás em relação ao seu comportamento, mas o moleque vem me convencendo que é truta forte também fora da correnteza. Parceiro, Ceará, amigo de tantas jornadas. Espero que você me entenda, tendo trabalhado comigo, lado a lado, pelas ampulhetas que contavam nossas horas no oficio. Tem que louvar mesmo! Comercial! Festa! Manchetes! Isso entendo, não sou imbecil, ou engano bem ao menos. Agora esse negocio de ficar insistindo se o moleque é melhor que o Messi, Cristiano Ronaldo, será reconhecido somente se for para a Europa ou não, ainda vai…. engulo…a parada babaca! Mas era! Mais ou menos que Pelé? Já me enche os culhões!!!! Um filme: Dia do Gafanhoto! Ninguém sabe, esquece! Queria desabafar com você, meu parceiro, simplesmente meu receio que os donos do pior do circo, dos bookmakers da vida e da arte, suguem este moleque, absolutamente genial, sem que ele mesmo se aperceba, antes que ele possa se tornar um PELÉ!!! Não falei Edson, Ceará! Falei Pelé! Te explico: independente da idade do Pelé, CAMPEÃO DO MUNDO EM 58 chorando no ombro do Gilmar, independente do PELÉ ter sido bi em 62, mesmo olhando de fora o feito do Garrincha, que tenha naufragado com todos em 66 aplaudindo Eusébio, PELÉ mostrou sua MAJESTADE MESMO em 70! Também só tinha feras!!! POR ISSO MESMO! FOI A FERA ENTRE AS FERAS! O Mundo era diferente, não só o futebol, sei disso parceiro. Não interessa. Sonho em ver o Neymar, eu velhinho, ditando sua arte na Copa de 2022! (Se bem que torço muito mais pelo meu estado de velhinho do que por ele ditando sua arte, confesso!). Terminando parceiro: otimistas que na Copa, o Brasil seja uma puta equipe, sem Mano ou com Mano (você deve imaginar minha aposta!), com Marin ou sem Marin (vc deve imaginar minha aposta), com estrutura ou sem estrutura e com achaque ou sem achaque (vc deve imaginar minha certeza), o Neymar perca um pênalti na final no Maracanã contra a Argentina? Estará terminada a Era Neymar? O mais que Pelé?…Vc sabe parceiro o tamanho da lâmina do Machado no Patropi! Aos vencedores as batatas, aos perdedores ódio e desprezo! Insisto: o cara é carismático, hoje em dia o lance é ser midiático mesmo, grana… MAS NÃO FAÇAM DO NEYMAR UM VELHO, ENRUGADO, ANTES DO TEMPO!!!! Ceará demorei para ter tal opinião, mas acho sim… acho nada…ia cair em contradição…que é melhor que o…que o….só sei que moleque é saci, rapá! Com uma perna, dá nó! Como deu aquele drible? Ah..? Nem ele sabe, Ceará! Pinta na hora!!!! O repertório do moleque… se deixarem seguir o curso natural da arte, da magia sem truque, pé grudado na bola, a bola que não parte e só reparte, te garanto, mais que corintiano fanático serei um amante do futebol repleto de felicidade. Desde seu chato amigo. Gilson Ribeiro!


Tem inteligência da polícia para artista? Tem que ter para o torcedor comum também.
Comentários 2

Luiz Ceará

“Não vou admitir qualquer tipo de comportamento violento por parte da torcida do Vasco ou do Corinthians. Qualquer atitude acarretará em prisão. Se algum torcedor efetuar disparo de arma de fogo a polícia vai revidar da mesma forma. Não tenha a menor dúvida disso. Será a mesma reação”. Tenente-coronel Fiorentini, comandante do GEPE – Grupamento Especial de Policiamento em Estádios

Os bandidos que se vestem com camisas de clubes estão avisados.

O Ministério Público de São Paulo considera Vasco e Corinthians um jogo de alto risco. Vai acompanhar de perto a deslocação dos torcedores até o Rio de Janeiro e quando os vascaínos vierem a São Paulo vai ser igual.

Até aí está tudo bem, mas tem o seguinte:existe na Internet briga agendada, porque se os caras marcam até horário, local e tipo de armamento que será utilizado na briga, então é agendamento mesmo. Coisa moderna.

A PM do Rio que costuma segurar os ônibus de torcedores nas estradas e na entrada do Rio que seja mais competente desta vez para evitar apedrejamento e o choque entre os torcedores. Vamos trabalhar direito desta vez. O torcedor paga ingresso e tem o direito de chegar ao estádio. Essa conversa de ônibus chegar atrasado é mole, mas muito mole. Os caras chegam cedo, e ficam parados, esperando revista e à mercê da má vontade da policia carioca.

No caso da briga na Internet fica o alerta deste blogueiro que vos fala.

Se existe tanta competência dos serviços de inteligência das polícias em casos de particulares, como empresários e artistas que tem seus equipamentos invadidos, porque não usar esse mesmo aparato para rastrearem os torcedores que marcam as brigas?

Me parece óbvio.

Mas e o jogo?

Se tudo der certo, o jogo vai ter até torcedores dentro do estádio.


Três Santos, três tri-campeonatos. Uma história de gloria.
Comentários 19

Luiz Ceará

 

1960/1961/1962
Laércio; Dalmo, Mauro e Zé Carlos. Zito e Maneco; Dorval Tite, Pagão, Pelé e Pepe.

1967/1968/1969
Claudio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Djalma Dias e Rildo. Clodoaldo e Negreiros. Toninho Guerreiro, Edu, Pelé e Abel.

2010/2011/2012
Rafael; Edu Dracena, Durval e Juan. Ibson, Elano, Henrique e Arouca. Paulo Henrique Ganso, Alan Kardec e Neymar.

Quem pode mais? Quem tem três times desses para escalar e dizer que são do seu coração?

O Santos é três vezes tri-campeão Paulista. Com três times e mais alguns jogadores que sempre entram até porque fazem parte do elenco.

Dá pra imaginar o que jogava o time do primeiro tri-campeonato?

Dá pra imaginar o que jogava o time do segundo tri-campeonato?

Vocês viram o time deste tri-campeonato?

Sou mais feliz que vocês, vi os três jogarem.


Viva nosso Brasil mulato.
Comentários 6

Luiz Ceará

Após a abolição, a vida dos negros brasileiros virou um inferno. O estado brasileiro não se preocupou em oferecer condições para que os ex-escravos pudessem ser integrados no mercado de trabalho formal e assalariado. O Brasil branco, até nossos dias, pratica todos os santos dias o tal de preconceito. Na época da Abolição, a elite não se conformava com a perda da mão de obra sem custo dos escravos. Em vez de contratá-los, trouxe os europeus. Os negros brasileiros sofreram quando foram trazidos escravos, sofreram durante o período de escravidão e sofrem até hoje. O Brasil, nosso país, pratica sim o preconceito sem nenhuma vergonha, a não ser a que sentimos de sabemos por ordem da natureza que somos todos iguais. Sangue vermelho, todos temos, não há o sangue azul.

Nosso país não é de brancos é de mulatos, de miscigenados. Você amigo do Blog de que raça é?

Eu sou Brasileiro bisneto de escravo com Italiana e de espanhóis. Neto de mulato com alemã e de espanhóis.

Quer mais mistura?

Vamos comemorar nossa mulatice com alegria e para nossos filhos ensinar o mundo novo. O do coração aberto, da caridade e da justiça. Sem ver a cor da pele. A pele não importa, o espírito que veio para ela sim. Estamos de passagem, vida curta, maximo de 80 anos. Vamos curtir essa vida em paz com nossos atos.

Escrevo hoje em homenagem à Abolição, às mães e aos pretos veios no seu dia.

Salve todas as mães, mas não hoje, todos os dias de nossa vida.

Salve os Pretos Véios, nossos protetores.

Salve nosso povo mulato.